Sabe a frase “enquanto houver vida, haverá louça” ? Parafraseando essa máxima e usando a mesma lógica podemos afirmar que enquanto houver vida em condomínio haverá taxa de condomínio.

 

 

 

 

 

 

Entre tantos desafios que fazem parte da vida em condomínios, manter as contas em dia ainda costuma ser um dos principais alicerces que deve ser priorizado em uma gestão. Isso porque é através da taxa de condomínio que se mantém fornecedores, materiais, reformas e outros projetos em dia, responsáveis pela manutenção e qualidade de vida.

 

 

 

 

 

traço-para-destaque-1

 

 

 

 

 

Entretanto, por consequência de uma série de fatores micro ou macro ambientais como crescimento da inadimplência interna, gastos excessivos não previstos, aumento da inflação, entre outros, dificulta-se o cenário em diversos condomínios que precisam manter-se funcionais ainda que com fluxo de caixa potencialmente impactado.

 

 

 

 

Pensando nesse tipo de situação, preparamos um conteúdo que vai te ajudar a como implementar ações como foco em redução de custos, o que poderá permitir com que novos investimentos sejam feitos ou até mesmo que se reduza a taxa de condomínio. Confira!

 

 

 

 

 

….

 

 

 

Observação: Aqui, no blog da Interport, você se atualiza sobre diversos assuntos do mundo condominial e da segurança eletrônica.

 

 

 

 

Cadastre seu e-mail no final desta página e receba nossa newsletter. Assim você será avisado sobre novos artigos publicados.

 

 

 


 

 

 

 

 

Benefícios da vida condominial 

 

 

 

Uma das benesses de residir em condomínios, na visão de muitos moradores, são questões como as da segurança e sensação de estar mais protegido, assim como o astral renovado num ambiente com a limpeza feita diariamente, plantas e flores bem cuidadas, que é o contato mais próximo possível com a natureza nas grandes cidades, entre outras.

 

 

 

No entanto, manter e monitorar esses tipos de serviços em condomínios costuma ser um importante desafio da gestão, que precisa contar com empresas e parceiros qualificados, recursos para custeamento, alinhamento da comunicação interna com moradores, entre outros fatores.

 

 

 

Condomínios Eco-Friendly

 

 

 

Só de passar em frente em certos condomínios já é possível reparar, enquanto alguns trazem o aviso: “Usamos água de reuso” com a utilização de forma consciente, outros mesmo em dias chuvosos tem o hábito de molharem as plantas incessantemente, até a esmo.

 

 

Há ainda prédios que descartam a água sem intenção de reaproveitamento, o que gera mais gastos respingando como um todo na comunidade predial. Existem condomínios que separam caçambas para direcionar os resíduos orgânicos e recicláveis na sua área externa, onde se observa iniciativas que servem de exemplos em relação ao consumo consciente.

 

 

Edificações com esse serviço tornam-se uma opção mais prática para moradores com esse hábito, uma vez que se o empreendimento não tiver essa disponibilidade teriam que procurar um local externo, pois há bairros onde essa prática não é incentivada nem pela prefeitura.

 

 

 

Papel do Administradores

 

 

 

É fundamental que haja, por parte dos administradores de condomínios, o fomento de iniciativas que possam ajudar a disseminar a conscientização do uso inteligente de recursos no condomínio, assim como formas de se evitar desperdícios e reaproveitamento.

 

 

 

Com a utilização dos recursos adequados, aliados a tecnologia e planejamento, muitos gastos excessivos podem ser reduzidos e reinvestidos em melhorias no condomínio, gerando ainda, por exemplo, redução da taxa de condomínio, mais caixa para preparo de gastos futuros, entre outros benefícios.

 

 

 

 

 

5 dicas que podem ajudar a reduzir a taxa de condomínio e melhorar uso de recursos

 

 

 

 

 

1 – Água de reuso

 

 

 

O reaproveitamento de uso de água tem sido encarado como uma das principais estratégias para melhorar o uso de água em condomínio, assim como a instalação de sistemas de captação de água da chuva.

 

 

 

Através destes sistemas, é possível armazenar a água em cisternas, que são utilizadas para fornecer água de reuso seja em limpezas gerais, cuidado das plantas, lavagens externas, entre outras formas de utilização.

 

 

 

Considere também investir na conscientização do uso de água no condomínio, ressaltando a importância de evitar desperdícios em áreas comuns. Também é válido, caso o regulamento interno do condomínio aborde, possíveis multas e sanções do uso inadequado de água.

 

 

 

2 – Uso de novas tecnologias que podem ajudar a reduzir a taxa de condomínio

 

 

 

A tecnologia está cada vez mais presente na vida em condomínios, promovendo facilidades, melhorando a qualidade de vida, valorizando o patrimônio e reduzindo custos. A tecnologia de portaria remota e portaria virtual, por exemplo, pode colaborar com a redução de até 80% nos custos de portaria do condomínio, podendo ser hibrida com redução de funcionários ou até com os moradores controlando por meio de aplicativo inteligente.

 

 

 

Essas e outras iniciativas tecnológicas vieram com força para ficar e contribuir com a economia e segurança do seu condomínio.

 

 

 

3 – Coleta seletiva

 

 

 

A falta de reciclagem acarreta grandes prejuízos a natureza devido ao grande impacto negativo que é gerado. Quando não é bem direcionado as consequências podem ser desde doenças a contaminação de solo até as frequentes enchentes que são patrimônio de cidades como São Paulo. Mas além da questão do meio ambiente, vamos falar então dos custos, que é um aspecto importante que não pode ser ignorado.

 

 

 

Você já parou para pensar em quanto não é gasto para remover o alto fluxo de lixo produzido pela população de um prédio?

 

 

 

Com a coleta seletiva, cada resíduo teria seu local adequado para descarte, facilitando a logística, reduzindo assim os custos e demais problemas que a falta de direcionamento causam.

 

 

 

4 – Reserva de emergência

 

 

 

Sabemos que imprevistos acontecem e podem surgir para qualquer pessoa, mas sabe aqueles casos em que o ‘pior’ poderia ser evitado?  Pois bem, existem fatores que podem ser evitados e outros que acontecem por fatalidade. E quando é assim não se pode esperar. Tem que ser resolvido o mais rápido possível e o preço da urgência costuma ser alto!

 

 

 

A reserva de emergência ou fundo de reserva são recursos do condomínio destinados para lidar, excepcionalmente, com despesas extraordinárias que saem do escopo inicial da previsão orçamentária.

 

 

 

A convenção do condomínio deve estipular a quantia do valor destinado, quando deverá ser cobrado e como será feito o cálculo. No entanto, vale destacar que é deve de todos os condôminos contribuir com o fundo.

 

5 – Conscientização dos moradores

 

Por último, não menos importante, a conscientização dos moradores.

 

Uma boa ideia além de informativos nas áreas comuns é mobilizar ações através do whats app e demais ferramentas que unam os condôminos.

 

Considere, frequentemente, definir e trabalhar campanhas internas que possam ajudar a disseminar a consciência coletiva no que diz respeito a contenção de desperdícios, uso racional de recursos, entre outras iniciativas que podem colaborar com a saúde do condomínio.

 

Leia também: Como criar e incentivar campanhas de segurança no condomínio

 


O que podemos concluir?

 

 

É imprescindível que haja envolvimento de todos da comunidade condominial para que as metas de qualidade e gestão sejam cumpridas. A administração isolada deve ser vista com cuidado, porque, no final das contas, é a postura e a gestão horizontal que pode causar impactados cada vez maiores e mais positivos dentro dos condomínios.

 

 

Não deixe de manter uma boa comunicação com seu conselho, corpo de funcionários e moradores sobre novidades, tecnologias, tendências e iniciativas que podem ajudar a melhorar a qualidade de vida no condomínio.

 

 

….

 

Aqui, na seção blog da Interport, você encontra artigos com dicas práticas e informações de qualidade sobre diversos assuntos ligados ao mundo condominial, segurança tecnológica e terceirização.

 

Por isso, cadastre-se conosco. Avisaremos você quando novos artigos forem publicados. Mantenha-se informado!

 


 

 Cadastre-se

 

Receba nossas newsletters por e-mail. Seja um dos primeiros a saber sobre novos artigos e outras novidades do mercado.T

 

 

Share This

Compartilhe

Divulgue este artigo!